People of Lisbon #1 - Zimbabwe and its friendliness



EN: One of the things i like most about Lisbon its multiculturalism! In Arroios you can find 79 different nationalities and if you walk close to D. Maria II you will feel like a foreigner there. Sometimes i just want to grab my camera, walk along the city photographing people from Bangladesh, India, Nepal... that chose Lisbon to live and ask them why are they here and what are they wearing. The other day i did this and i took this picture to this friendly woman. 
PT: Uma das coisas que mais gosto em Lisboa é a sua multiculturalidade! Sabiam que Arroios é a freguesia mais multicultural de Portugal? Se andarem perto do teatro D.Maria II, vocês é que se irão sentir estrangeiros eh eh eh. Às vezes só me apetece pegar na máquina fotográfica, caminhar pela cidade e perguntar às pessoas do Bangladesh, Índia, Nepal... porque é que escolheram vir para Lisboa e saber mais sobre a sua história de vida. No outro dia fotografei esta simpática senhora. 


PT: Caminhava apressadamente em direção ao Chiado quando a vi. As suas expressões e o bindi (ponto vermelho feito de um pó de tom avermelhado que pode ser visto em homens e mulheres e que tem conotação religiosa ou social) chamaram-me atenção. Parei e voltei para trás e não resistir em perguntar se podia tirar uma fotografia. Disse-me que sim e perguntei-lhe de onde era. Nascida no Zimbabwe, falou-me sobre o bindi, afirmando que este tinha conotação religiosa e era sinal de ser casada. Uma vez viúva não o pode usar mais. 

EN: I was walking in a hurry towards Chiado when i saw her. Her expressions and the bindi caught my attention. I stoped, turned around and i walked back and asked her if i could take a picture. She said that i could and i asked her where was she from. Borned in Zimbabwe she was wearing the bindi as a sign of her religion and because she was married. 


Resultado de imagem para zimbabwe


“A beleza de uma mulher é multiplicada 1.000 vezes quando usa um bindi.”
-Provérbio Hindu

Filipa Figueira

1 comentário:

  1. Também gosto imenso desse multiculturalismo que encontramos em Lisboa. Já fui a vários restaurantes no Martim Moniz, onde falei um pouco com os donos (do Bangladesh ou da Índia), a saber porque é que decidiram vir para Portugal, há quanto tempo é que cá então... É sempre uma conversa bem interessante :)

    Mundo Indefinido

    ResponderEliminar

Apontamento(s)